Carl Sagan

Ou ainda, como disse Sigmund Freud na sua célebre Introdução ao Narcisismo (1914): “em última instância, é preciso amar para não adoecer.” A afirmação do cientista, escritor e certamente um dos maiores divulgadores científicos do século XX Carl Sagan (1934- 1996) nos convida a pensar sobre os compromissos éticos, amorosos e construtivos das ciências com as sociedades nas quais elas se inserem e das quais fazem parte indissolúvel. Afinal, aos conhecimentos historicamente foram dadas direções e aplicações diversas. Nos resta refletir sobre quais rumos queremos. #cienciaesociedade #cienciaeetica #historiadoconhecimento #carlsagan #freud #narcisismo #polimatas

Deixe uma resposta